Acreditar sem Preconceitos e sem Ilusões

23 03 2010

Há 500 anos atrás ousamos olhar para o horizonte desconhecido e desafiamos as leis da imaginação. A repetição cliché dos Descobrimentos como a época áurea da nossa História não pode significar que estamos presos a um período de mais de cinco séculos de sonolência inventiva com explosões esporádicas de engenho.
 
Com vontade de ferro, velas impulsionadas pelo sonho e o coração enegrecido pelo medo, enfrentamos o novo. Foi com empenho que se partiu à descoberta, que se revelou uma parte do mundo da sombra da incerteza. Escrevemos a sangue um capítulo da biografia da humanidade. A coragem da renovação e da mudança ainda faz parte do nosso ADN, no entanto existe uma neblina que turva a percepção da alma lusa. Um sentimento de sado-luso-masoquismo, uma sensação de desconfiança e de miséria que os portugueses sentem pelo o que é seu.  
 
É com essa percepção negativa de si mesmo que o português vive. Pior que um Adamastor, um obstáculo externo, é esse velho do Restelo que faz parte de nós, esse buraco negro que se alimenta do nosso engenho.  Não necessitamos de acreditar como ovelhas cor-de-rosa orgulhosas da sua perfeição, mas como bravos comandantes, calejados pelo sal do mar, que enfrentam tempestades em nome da glória, com as suas naus construídas de suor e criatividade.

Não podemos deixar que o nosso sado-luso-masoquismo, de desprezar o que é português, enfraqueça a nossa capacidade de descobrir. Com as vozes roucas de hipocrisia é fácil apelar à inovação, mas o processo nada tem de simples. É num horizonte de dificuldades e ameaças que se tenta rumar em direcção a novas formas de olhar.
  
Num universo de possibilidades deixemos para trás a percepção negativa de ser português, essa força da gravidade que nos dificulta os movimentos. Com coragem e com a noção do erro existem ainda caminhos a explorar. Com a alma tingida de curiosidade devemos abraçar o caos do universo e partir à descoberta de oportunidades.

Amílcar Gomes
Aluno de Pós-Gradução


Ações

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: